Transporte

Aumento de tarifa de ônibus repudiado


Na última sessão do semestre da Câmara Municipal de São Cristóvão, o Vereador Paulo Júnio (PSL) apresentou uma MOÇÃO DE REPÚDIO à proposta apresentada pelo Setransp – Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros Aracaju, em reajustar a tarifa de ônibus para R$ 4,40. O parlamentar, mesmo sabendo que o sistema de transporte coletivo da região metropolitana é gerenciado pela SMTT da capital, entende que diante da existência do consórcio metropolitano do transporte público, deveriam os municípios integrantes serem convocados e terem voz ativa na discussão de qualquer tipo de reajuste que por ventura viesse a ser ventilado, e não que ficasse o debate apenas a cargo do Setransp e a Prefeitura de Aracaju.
Diante dessa solicitação de aumento da tarifa e que, consequentemente, vem prejudicar a população Sancristovense, o vereador Paulo Júnior resolveu apresentar Moção de Repúdio à proposta apresentada pelo sindicato das empresas, justificando que “o momento para tal reajuste é inoportuno, diante do atual momento que estamos vivenciando no país”.
O parlamentar disse ainda que o Sistema de Transporte Coletivo da Grande Aracaju é bastante sucateado e ineficiente, ao tempo em que se cobra uma das tarifas mais caras entre as capitais do país. Na oportunidade, ele afirmou que no município de São Cristóvão, por exemplo, seria necessária uma melhoria do transporte coletivo, “pois existem veículos operando nas linhas disponíveis no município em péssimo estado de conservação, inclusive com mais de 10 anos de fabricação, e uma frota menor que a demanda, provocando as superlotações nos horários de pico”.
A matéria protocolada na casa legislativa de São Cristóvão teve o apoio dos demais vereadores e será encaminhada ao Presidente da Câmara de Vereadores de Aracaju, Josenito Vitale (PSD), e ao Prefeito Edvaldo Nogueira (PCdoB).